PSICOLOGIA HISTÓRICO-CULTURAL

uma breve apresentação de suas categorias analíticas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18764/2675-0805v4n6.2022.5

Palavras-chave:

Psicologia histórico-cultural, Materialismo histórico e dialético, Categorias

Resumo

Este trabalho consiste numa discussão de cunho bibliográfico e tem por objetivo apresentar as principais categorias da Psicologia histórico-cultural advindas do materialismo histórico e dialético. No que concerne esta pesquisa, destacamos as seguintes categorias: historicidade, dialética, totalidade, significado e sentido. Entre os autores que balizaram o estudo citamos, Marx (1989), Konder (2008), Lukács (2009), Netto (2011) e Vygotsky (2008). A relevância dessa discussão se assenta na possibilidade de entender as múltiplas determinações geradas a partir da relação com o conjunto de mecanismos externos e internos que constituem o sujeito. Portanto, destaca-se a relevâncias das categorias enquanto instrumentos por meio dos quais podemos apreender a realidade concreta produzida e experienciada pelo conjunto dos homens e mulheres em suas relações sociais que ocorrem em um dado momento histórico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Francélio Ângelo de Oliveira, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE)

Professor efetivo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará-IFCE/Campus Acaraú, na área de Currículo e Estudos Aplicados ao Ensino e Aprendizagem. Doutor em Educação pela Universidade Federal do Ceará, mestre em Educação-UFC, especialista em Educação Inclusiva-UECE, especialista em Psicomotricidade Clínica-UFC, Graduado em Licenciatura em Pedagogia-FAIBRA, graduado em Licenciatura Plena em Ciências da Religião-UVA e graduado em Tecnologia em Hotelaria-IFCE. Membro da Associação Brasileira dos Pesquisadores em Educação Especial e da Sociedade Brasileira de Psicomotricidade-Capítulo Ceará. Coordenador do Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas-NEABI. Atua principalmente nos seguintes temas: inclusão escolar, subjetividade, formação de professores e Atendimento Educacional Especializado.

Referências

AFANASIEV, V. G. Fundamentos da Filosofia. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1968.

CARVALHO, E. A produção dialética do conhecimento. São Paulo: Xamã, 2008.

CURY, Carlos Roberto Jamil. Educação e Contradição elementos metodológicos para uma teoria crítica do fenômeno educativo. São Paulo: Cortez Editora, 1985.

GADOTTI, M. Concepção dialética da educação: um estudo introdutório. São Paulo: Cortez: Autores Associados, 1983.

GÓES, M. C. R.; CRUZ, M. N. Sentido e significado: notas sobre as contribuições de Lev Vigotski. Revista Pro-Posições, Campinas, v. 17, n. 2, p. 31-45, 2006.

HÚNGARO, E. M. Modernidade e totalidade: em defesa de uma categoria ontológica. 2001. 246 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) – Programa de Pós-Graduação em Serviço Social, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2001.

KONDER, L. O que é dialética. São Paulo: Brasiliense, 2008.

LUKÁCS, G. Arte e sociedade: escritos estéticos (1932-1971). Rio de Janeiro: UFRJ, 2009.

LUKÁCS, G. História e consciência de classe. Porto: Escorpião, 1974.

LÖWI, M.; NAÏR, S. Lucien Goldmann, ou a dialética da totalidade. São Paulo: Boitempo, 2005.

MARX, K.; ENGELS, F. A ideologia alemã. 3. ed. São Paulo: Ciências Humanas, 1982.

MARX, K. O capital. São Paulo: Boitempo, 1989.

MARTINS, L. M. A formação social da personalidade do professor: um enfoque vigotskiano. Campinas: Autores Associados, 2015.

MARTINS, L. M. O desenvolvimento do psiquismo e a educação escolar: contribuições à luz da Psicologia Histórico-cultural e da Pedagogia Histórico-crítica. Interface - Comunicação, Saúde, Educação. São Paulo, v. 16, n. 40, p. 283-283, 2012.

NETTO, José Paulo. Introdução ao Estudo do Método de Marx. São Paulo: Expressão Popular, 2011.

NUNES, A. S. Sobre o problema do conhecimento nas ciências sociais. Lisboa: Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa, 1981.

PATY, M. Inteligibilidade racional e historicidade. Estudos Avançados. São Paulo, v. 19, n. 54, p. 369-390, 2005.

SAVIANI, D.; DUARTE, N. A formação humana na perspectiva histórico-ontológica. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 15, n. 45, p. 442-590, 2010.

VYGOTSKY, L. S. Pensamento e linguagem. 4. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2008.

Downloads

Publicado

2022-09-19

Como Citar

OLIVEIRA, Francélio Ângelo de.
PSICOLOGIA HISTÓRICO-CULTURAL: uma breve apresentação de suas categorias analíticas
. Revista Humanidades & Educação, p. 57–69, 19 Set 2022 Disponível em: https://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/humanidadeseeducacao/article/view/19306. Acesso em: 23 jul 2024.

Edição

Seção

Artigos