EVASÃO E ABANDONO ESCOLAR NO ENSINO FUNDAMENTAL

percepções a partir da gestão escolar

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18764/2178-2229v30n1.2023.1

Palavras-chave:

Escola, Evasão escolar, Abandono escolar

Resumo

No Brasil, a evasão e o abandono escolar preocupam, principalmente no que se refere às escolas públicas, sendo um desafio, não somente da esfera governamental nacional, mas também estadual e municipal. Diante disso, objetiva-se analisar as percepções dos gestores que atuam no ensino fundamental nas escolas municipais de Educação Básica do município de localizada no vale do Itajaí (SC) sobre a problemática da evasão e abandono escolar. Para tal, realizou-se uma pesquisa qualitativa e de campo. Participaram 17 gestores da Rede de Ensino Municipal de Brusque, das 17 escolas municipais que ofertam o ensino fundamental. Como fonte de dados foi utilizado entrevista semiestruturada com o recurso de gravador, e dados disponíveis no sistema do Programa de Combate à Evasão Escolar (APOIA). A análise e interpretação dos dados foi realizada a partir da análise de conteúdo. Os resultados evidenciaram que entre os principais fatores que colaboram para a evasão ou abandono escolar estão a falta de comprometimento da família; desestímulo e desinteresse dos alunos nas atividades; e discrepância entre idade/série ocasionados pela retenção escolar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aline Thaís Siegel, Centro Universitário de Brusque

Possui graduação em Pedagogia pelo Centro Universitário de Brusque- Unifebe (2015). Possui especialização em Psicopedagogia pelo Centro Universitário Leonardo da Vinci: UNIASSELVI (2017). Possui Especialização em Educação pelo Centro Universitário de Brusque-Unifebe (2019). Atualmente é professora efetiva de Educação Infantil da Prefeitura Municipal de Guabiruba na Escola Reunida Municipal João Jensen. Tem experiência na área da Educação, com ênfase na Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental.

Ana Lúcia Damasio Stacheski, Centro Universitário de Brusque

Licenciada em Educação Física (bacharelado) no Centro Universitário de Brusque (UNIFEBE). 

Camila da Cunha Nunes, Centro Universitário de Brusque

Doutora em Desenvolvimento Regional pela Universidade Regional de Blumenau - FURB (2017). Mestre em Educação pela FURB (2012) e Mestre em Desenvolvimento Regional pela mesma instituição (2014). Especialista em Psicopedagogia Institucional pela Faculdade de Administração, Ciências, Educação e Letras (2011) e Especialista em Docência no Ensino Superior pela Universidade Gama Filho (2013). Graduada em Educação Física pela FURB (2010). Atualmente é professora titular no Centro Universitário de Brusque (UNIFEBE). Tem experiência na área de Educação Física,com ênfase na área de metodologia científica, metodologias de ensino em Educação Física, epistemologia, saúde coletiva e memória do esporte e lazer e o território. Foi bolsista do Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde - PET-Saúde FURB/SEMUS SGTES/Ministério da Saúde no período de 2010-2011 e bolsista CAPES no Programa de Pós-graduação stricto sensu em Educação no período de 2011-2012. Integra o Banco de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (BASis) do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP). Líder do grupo de pesquisa LESEL - Leituras sobre Educação, Saúde, Esporte e Lazer.

Juliana Pedroso Bruns, Universidade Regional de Blumenau

Doutoranda em Educação no Programa de Pós-Graduação da Universidade Regional de Blumenau - (PPGE-FURB). Bolsista do Programa de Coordenação de Aperfeiçoamento de Nível Superior (CAPES). Integrante da linha de Pesquisa Formação de Professores, Políticas Educacionais e Práticas Educativas e do Grupo de Pesquisa Formação de Professores e Práticas Educativas (GPFORPE). 

Referências

ALVES, Gloria da Assunção. A produção do espaço a partir da tríade lefebvriana concebido/percebido/vivido. Geousp – Espaço e tempo (Online), v 23, n. 3, p. 551-563, dez. 2019. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/geousp/issue/view/11278. Acesso em: 27/10/2020.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 21 dez. 1996.

CANÁRIO, Ruí. O que é a escola? Um “olhar” sociológico. Porto: Porto Editora, 2005.

_____________. A escola tem futuro? Das promessas às incertezas. Porto Alegre: Artmed. 2006.

CALLAI, Helena Copetti. Escola, cotidiano e lugar. In: MARGARIDA, Marísia; BUITONI, Santiago. Geografia: ensino fundamental. Coleção Explorando o Ensino v. 22. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2010. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=7838-2011-geografia-capa-pdf&category_slug=abril-2011-pdf&Itemid=30192. Acesso em: 10/08/2020.

CARLOS, Ana Fani Alessandri. O lugar no/do mundo. São Paulo: Hucitec, 1996.

________. Espaço-Tempo da vida cotidiana na metrópole. 2 ed. São Paulo: Labur Edições, 2017.

CARPINTEIRO, Antônio Carlos; ALMEIDA, Jaime Gonçalves. Teorias do espaço educativo. Brasília: Universidade de Brasília, 2008. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/profunc/10_espaco.pdf. Acesso em: 15/07/2020.

DUARTE, Maria Beatriz Balena. A escola como organização. Revista de ciências sociais. Fortaleza, 2002. Disponível em: file:///C:/Users/laris/Downloads/33953-Texto%20do%20artigo-101551-1-10-20181017.pdf. Acesoo em: 20/07/2020.

FREITAS, Ana Lúcia Souza de. Projeto constituinte escolar: a vivência da “reinvenção escolar” na rede municipal de Porto Alegre. In: SILVA, Luiz Heron da. Escola Cidadã: teoria e prática. Petropolis: Vozes, 1999.

FRÉMONT, Armand. A região, espaço vivido. Coimbra/Portugal: Livraria Almedina, 1980.

GATTI, Bernardete A. Enfrentando o desafio da escola: princípios e diretrizes para a ação. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, 1993. Disponível em: http://publicacoes.fcc.org.br/ojs/index.php/cp/article/view/946/950. Acesso em: 27/11/2020.

________. Educação, escola e formação de professores: políticas e impasses. Educar em Revista. Curitiba, n. 50, 2013.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. - São Paulo: Atlas, 2002.

GOMES, Paulo Cesar da Costa. Geografia e modernidade. 4 ed. Rio de Janeiro: Bertrand, 2003.

KRAWCZYK, Nora. O ensino médio no Brasil. São Paulo: Ação Educativa, 2009.

LEFEBVRE, Henri. La produccion del espacio. Madrid/ES: Capitán Swing, 2013.

LIBÂNEO, José Carlos; OLIVEIRA, João Ferreira de; TOSCHI, Mirza Seabra. Educação escolar: políticas, estrutura e organização. São Paulo: Cortez, 2011.

RIBEIRO, Solange Lucas. Espaço escolar: um elemento (in)visível no currículo. Sitientibus. Feira de Santana, n. 31, p. 103-118, jul./dez. 2004. Disponível em: http://www2.uefs.br/sitientibus/pdf/31/espaco_escolar.pdf?origin=publication_detail. Acesso em: 24/09/2020.

SERPA, Angelo. Por uma geografia dos espaços vividos: geografia e fenomenologia. São Paulo: Contexto, 2019.

SOUZA, Marcelo Lopes de. Os conceitos fundamentais da pesquisa sócio-espacial. Rio de janeiro: Bertrand Brasil, 2013.

OLIVEIRA, Lívia de. O sentido de lugar. In: MARALONA, Eduardo Júnior; HOLZER, Werter; OLIVEIRA, Lívia de. Qual o espaço do lugar? Geografia, epistemologia, fenomenológica. São Paulo: Perspectiva, 2014.

PARO, Vitor Henrique. Políticas educacionais: considerações sobre o discurso genérico e a abstração da realidade. In: DOURADO, Luiz Fernandes; PARO, Vitor Henrique. Políticas públicas e educação básica. São Paulo: Xamã, 2001.

VINCENT, Guy; LAHIRE, Bernard, THIN, Daniel. Sobre a história e a teoria da forma escolar. In: Educação em Revista, Belo Horizonte, nº 33, jun/2011, p. 7-47.

VIÑAO FRAGO, Antonio. Do espaço escolar e da escola como lugar: propostas e questões. In: VIÑAO FRAGO, Antonio; ESCOLANO, Austín. Currículo, espaço e subjetividade: a arquitetura como programa. 2 ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2001

Downloads

Publicado

2023-11-15

Como Citar

SIEGEL, Aline Thaís; STACHESKI, Ana Lúcia Damasio; NUNES, Camila da Cunha; BRUNS, Juliana Pedroso.
EVASÃO E ABANDONO ESCOLAR NO ENSINO FUNDAMENTAL: percepções a partir da gestão escolar
. Cadernos de Pesquisa, v. 30, n. 1, p. 9–36, 15 Nov 2023 Disponível em: http://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/cadernosdepesquisa/article/view/14601. Acesso em: 23 jul 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.