Experiências etnográficas

Uma entrevista com Frederick Erickson

Autores

Palavras-chave:

Frederick Erickson, etnografia, entrevista, pesquisa qualitativa

Resumo

Durante o 19º "Fórum Anual de Pesquisa em Etnografia em Educação" (1998), o professor Frederick Erickson, destacado estudioso da etnografia em educação, foi entrevistado por uma equipe de pesquisadores liderada pela professora Carmen Lúcia Guimarães de Mattos e a autora deste texto. O evento aconteceu na Universidade da Pensilvânia e foi gravado pela ex-aluna de graduação, hoje professora da UERJ, professora Cleonice Puggian. A entrevista, datada de 25 anos, serve como exemplo da pesquisa etnográfica e suas distinções de outros métodos qualitativos de pesquisa. Este tema é sempre apreciado por aqueles que são conhecedores do campo da etnografia. Erickson discute como os etnógrafos experimentam várias maneiras pelas quais as pessoas descrevem as experiências humanas, valendo-se de linguagem simples e conhecimento sociológico para explorar a transição da aplicação prática para o conhecimento acadêmico na pesquisa. Espera-se que a leitura desta entrevista esclareça muitas incertezas em torno do "ser e fazer etnográfico".

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vera Anselmi Melis Paolillo, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

Pós Doutora em Inffância em Firenze, IT. Doutora em Administração pela Universidade Mackenzie. Master in Education, Houston University, Huston, USA. Specialist in Child Development, Harvard University, USA. Graduada em Pedagogia. Coordenou o Escritório da Unesco em São Paulo e Representa o Brasil no World Fórum Foundation desde 2000. Membro efetivo do Global Working Group Ondesign e Brasil Nature Pedagogy. 

Publicado

2024-06-30

Como Citar

PAOLILLO, Vera Anselmi Melis.
Experiências etnográficas: Uma entrevista com Frederick Erickson
. Cadernos de Pesquisa, v. 31, n. 2, p. 1–14, 30 Jun 2024 Disponível em: https://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/cadernosdepesquisa/article/view/23692. Acesso em: 21 jul 2024.

Edição

Seção

Dossiê "Etnografia na Educação"