ROUSSEAU E MAQUIAVEL, PENSADORES REPUBLICANOS

Autores

  • Renato Moscateli Universidade Federal de Goiás - UFG

DOI:

https://doi.org/10.18764/2178-2229/v.22n.especial/p.43-57

Palavras-chave:

Rousseau. Maquiavel. República. Legislador. Liberdade civil. Conflitos políticos.

Resumo

O tema da república é um eixo fundamental em torno do qual Nicolau Maquiavel e Jean-Jacques Rousseau desenvolveram suas respectivas reflexões sobre a política, sendo que as obras do escritor florentino serviram de referência para o filósofo de Genebra em diversos momentos. Assim, pretendo abordar algumas das questões chaves que justificam o título de pensadores republicanos atribuído a ambos os autores, enfocando o elo que eles estabeleceram entre a liberdade política e vida cívica possíveis de serem experimentadas somente pelos homens que são membros de uma república bem ordenada. Nesse regime, os indivíduos encontrariam as condições sociais apropriadas para moldar suas identidades de forma a adquirirem a virtude cívica necessária a levá-los a desejarem o bem comum em vez de apenas almejarem seus interesses particulares. Para que isso seja possível, Maquiavel e Rousseau destacaram a importância do trabalho realizado pelos legisladores, sobretudo na fundação dos Estados, quando o estabelecimento de boas instituições políticas requer o recurso à religião para obter o consentimento do povo às leis.

Palavras-chave: Rousseau. Maquiavel. República. Legislador. Liberdade civil. Conflitos políticos.

 

 

ROUSSEAU AND MACHIAVELLI, REPUBLICAN THINKERS

 

Abstract: The theme of the republic is a fundamental axis around which Niccolò Machiavelli and Jean-JacquesRousseau developed their respective reflections on politics, and the works of the Florentine writer served as referencefor the philosopher of Geneva at several times. Thus, I intend to address some of the key issues that justify thetitle of republican thinkers attributed to both authors, by focusing on the link they established between the politicalfreedom and the civic life experienced only by men who are members of a well-ordered republic. In this regime,individuals find the appropriate social conditions for shaping their identities in order to acquire the civic virtue necessaryto lead them to desire the common good rather than just searching for their private interests. To ensure that tobe possible, both Machiavelli and Rousseau emphasized the importance of the work done by legislators, especiallyin the foundation of the State, when the establishment of good political institutions requires the use of religion forobtaining people’s consent to laws.

Keywords: Rousseau. Machiavelli. Republic. Legislator. Civil liberty. Political conflicts.

 

ROUSSEAU Y MAQUIAVEL, PENSADORES REPUBLICANOS

Resumen: El tema de la república es un eje fundamental en torno al cual Nicolau Maquiavel y Jean-Jacques Rousseau desarrollaron sus respectivas reflexiones sobre la política, así que las obras del escritor florentino sirvieron de referencia para el filósofo de Ginebra en varias ocasiones. Así, tengo la intención de abordar algunas de las cuestiones claves que justifican el título de pensadores republicanos asignado a ambos los autores, centrando en la conexión que ellos establecieron entre la libertad política y la vida cívica posibles de ser experimentada sólo por los hombres que son miembros de una república bien ordenada. En este régimen, los individuos encontrarían las condiciones sociales adecuadas a la formación de su identidad con la forma de adquirir la virtud cívica necesaria para llevarlos a desear el bien común y no sólo para buscar sus intereses privados. Para que esto sea posible, Maquiavel y Rousseau destacaron la importancia del trabajo realizado por los legisladores, sobre todo en la fundación del Estado, cuando el establecimiento de buenas instituciones políticas requiere recursos a religión para obtener el consentimiento del pueblo a leyes.

Palabras clave: Rousseau. Maquiavel. República. Legislador. Libertad civil. Conflictos políticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renato Moscateli, Universidade Federal de Goiás - UFG

Doutor em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Atualmente, é professor na Faculdade de Filosofia da Universidade Federal de Goiás e membro do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da instituição. Escreveu os livros "Rousseau frente ao legado de Montesquieu: História e teoria política no Século das Luzes" (EDIPUCRS) e "O Senhor das Letras: o Antigo Regime e a modernidade na literatura voltaireana" (EDUEM). É coorganizador do livro "Histórias de países imaginários: variedade dos lugares utópicos", bem como autor de diversos capítulos de livros e artigos publicados em periódicos especializados. Atua na área de História, com ênfase em História Intelectual, e também na área de Filosofia Política, com ênfase em autores do Iluminismo. É coordenador do Grupo Interdisciplinar de Pesquisa Jean-Jacques Rousseau (Unicamp), membro pesquisador do NEHRO - Núcleo de Estudos de História da Retórica e da Oratória Políticas (UEL) e do Grupo Vertentes do fantástico na literatura (Unesp). Também faz parte do núcleo de sustentação do GT Rousseau e o Iluminismo da ANPOF e do Conselho Diretor da Associação Brasileira de Estudos do Século XVIII (ABES18).

Downloads

Publicado

2015-12-30

Como Citar

Moscateli, R. (2015). ROUSSEAU E MAQUIAVEL, PENSADORES REPUBLICANOS. Cadernos De Pesquisa, 22, 43–57. https://doi.org/10.18764/2178-2229/v.22n.especial/p.43-57

Edição

Seção

Artigos