Inclusão Escolar e Deficiência Visual: dificuldades e estratégias do professor no ensino médio

Autores

  • Tamires Coimbra Bastos Borges Universidade Federal do Maranhão - UFMA
  • Silvana Maria Moura da Silva Universidade Federal do Maranhão - UFMA
  • Mariza Borges Wall Barbosa de Carvalho Universidade Federal do Maranhão - UFMA

DOI:

https://doi.org/10.18764/2358-4319.v11n2p264-287

Palavras-chave:

Inclusão escolar. Deficiência visual. Dificuldades. Estratégias. Ensino médio

Resumo

A inclusão escolar compreende o convívio com as diferenças que contemple a subjetividade, a identidade, embora no coletivo da sala de aula. Pressupõe repensar as ações éticas nas escolas, por meio da adoção de estratégias de ensino condiz com a pluralidade educacional. Diante disso, esta pesquisa tem como objetivo principal analisar como os professores do ensino regular e do atendimento educacional especializado estão viabilizando o processo de inclusão de alunos com deficiência visual (cegueira e baixa visão) no ensino médio em São Luís-MA. Trata-se de uma pesquisa quanti-qualitativa, a partir de estudo de caso em uma escola pública de ensino ludovicense. Os participantes desta pesquisa foram dois grupos de professores: oito professores do ensino regular e dois professores do atendimento educacional especializado que trabalhavam no ensino médio na referida escola, com os quais foram realizadas entrevistas semiestruturadas. Os dados obtidos pelas entrevistas foram analisados com base na técnica da análise de conteúdo. Os resultados dessa análise revelaram que as dificuldades e barreiras encontradas na prática cotidiana têm cerceado a garantia do direito a uma educação inclusiva plena para os alunos com deficiência visual. No entanto, importante destacar o reconhecimento da existência de esforços depreendidos pelos professores entrevistados que demonstraram avanços nas práticas de educação inclusiva.

Palavras-chave: Inclusão escolar. Deficiência visual. Dificuldades. Estratégias. Ensino médio

 

School Inclusion and Visual Deficiency: difficulties and strategies of the teacher in high school

ABSTRACT

School inclusion includes the conviviality with the differences that contemplate the subjectivity, the identity, although in the collective of the classroom. It presupposes rethinking the ethical actions in schools, through the adoption of educational strategies that are consistent with educational plurality. Therefore, this research has as main objective to analyze how teachers of regular education and specialized educational service are enabling the process of inclusion of students with visual impairment (blindness and low vision) in high school in São Luís-Ma. This is a quantitative-qualitative research, based on a case study in a public Ludwig-of-State school. The participants of this research were two groups of teachers: eight regular teachers and two teachers of specialized educational services who worked in high school at the referred school, with whom semi-structured interviews were conducted. The data obtained from the interviews were analyzed based on the technique of content analysis. The results of this analysis revealed that the difficulties and barriers encountered in everyday practice have curtailed the guarantee of the right to full inclusive education for students with visual impairment. However, it is important to highlight the recognition of the eff orts made by the teachers interviewed who demonstrated advances in inclusive education practices.

Keywords: School inclusion. Visual impairment. Difficulties. Strategies.High school

 

Inclusión Escolar y Deficiencia Visual: dificultades y estrategias del profesor en la enseñanza media

RESUMEN

La inclusión escolar abarca la convivencia con las diferencias que contemple la subjetividad, la identidad, pese a lo colectivo del aula. Presupone repensar las acciones éticas en las escuelas, por medio de la adopción de estrategias de enseñanza concernientes con la pluralidad educacional. Ante lo dicho, esta investigación tiene como objetivo principal analizar como los profesores de la enseñanza regular y de la atención educacional especializada están posibilitando el proceso de inclusión de alumnos con deficiencia visual (ceguera y baja visión) en la enseñanza media en São Luís – MA. Se trata de una investigación cuanti-cualitativa, a partir de un estudio de caso en una escuela pública de enseñanza ludovicense. Sus participantes fueron dos grupos de profesores: ocho profesores de la enseñanza regular y dos profesores de atención educacional especializada que actúan en la enseñanza media del centro educativo, con quienes se realizaron entrevistas semiestructuradas. Los datos obtenidos a través de las entrevistas se analizaron con base en la técnica de análisis de contenido. Los resultados de ese análisis revelaron que las dificultades y las barreras encontradas en la práctica cotidiana han aminorado la garantía del derecho a una educación inclusiva plena para los alumnos con deficiencia visual. Sin embargo, es importante destacar el reconocimiento de la existencia de esfuerzos logrados por los profesores entrevistados que demostraron avances en las prácticas de educación inclusiva.

Palabras clave: Inclusión escolar. Deficiencia visual. Dificultades.Estrategias. Enseñanza media

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Tamires Coimbra Bastos Borges, Universidade Federal do Maranhão - UFMA

Mestre em Educação pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Pedagoga na Pró-Reitoria de Ensino da Universidade Federal do Maranhão-PROEN/UFMA . 

Silvana Maria Moura da Silva, Universidade Federal do Maranhão - UFMA

Doutora em Educação Motora pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Professora do Departamento de Educação Física e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Maranhão-PPGE/UFMA. 

Mariza Borges Wall Barbosa de Carvalho, Universidade Federal do Maranhão - UFMA

Doutora em Educação pela Universidade Metodista de Piracicaba. Professora do Departamento de Educação II e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Maranhão-PPGE/UFMA. Coordenadora do Grupo de Pesquisa em Educação Especial. 

Downloads

Publicado

2018-08-10

Como Citar

BORGES, Tamires Coimbra Bastos; SILVA, Silvana Maria Moura da; CARVALHO, Mariza Borges Wall Barbosa de.
Inclusão Escolar e Deficiência Visual: dificuldades e estratégias do professor no ensino médio
. Revista Educação e Emancipação, v. 11, n. 2, p. p.264–287, 10 Ago 2018 Disponível em: http://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/reducacaoemancipacao/article/view/9538. Acesso em: 17 jul 2024.

Edição

Seção

Artigos