Análise semiótica do discurso e perspectivas educacionais na mídia: quando o negro é colocado como figurante

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18764/2358-4319v15n1.2022.2

Palavras-chave:

análise do discurso, cultura, discurso educacional, preconceito racial, semiótica

Resumo

Este estudo faz uma análise do discurso de dois textos veiculados nas redes sociais da internet e duas reportagens televisionadas. replicados no ciberespaço, sobre o preconceito racial. O objetivo deste estudo é o de analisar o discurso e descrever a ideologia e sistemas de valores implícitos nos textos, além de discutir o papel da mídia, como veículo do discurso educacional no que se refere ao combate a crimes de preconceito. Por meio dessa análise discursiva, é possível não só evidenciar o modo como são manifestadas as relações intersubjetivas no contexto midiático, como também revelar as representações ideológicas contemporâneas sobre a temática racial. Para tal estudo, utilizamos a metodologia semiótica. Verifica-se, por outro lado, que se manifestam discursos com uma intencionalidade educativa que não se desenvolve na escola, abrindo espaço para uma discussão sobre o papel da mídia, como veículo de discursos educativos e preventivos

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renan Antônio da Silva, Universidade Estadual do Ceará (UECE)

Doutor em Educação Escolar (UNESP). Docente Colaborador no Programa de Pós – Graduação em Políticas Públicas da Universidade Estadual do Ceará (UECE).

Maria Cecília de Souza Minayo

Doutora em Saúde Pública. Pesquisadora Emérita da FIOCRUZ e CNPq, Bolsista Produtividade 1A.

Downloads

Publicado

2022-05-06

Como Citar

Silva, R. A. da, & Minayo, M. C. de S. (2022). Análise semiótica do discurso e perspectivas educacionais na mídia: quando o negro é colocado como figurante. Revista Educação E Emancipação, 15(1), 47–72. https://doi.org/10.18764/2358-4319v15n1.2022.2

Edição

Seção

Artigos