A leitura como prática de (re)socialização no Sistema Penitenciário Nacional

Autores

  • Marcio José de Lima Winchuar Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná – UNICENTRO
  • Diego Paiva Bahls

DOI:

https://doi.org/10.18764/2358-4319.v10n2p147-164

Palavras-chave:

Leitura. Sistema Prisional. Humanização.

Resumo

Este trabalho tem como objetivo realizar um levantamento de pesquisas e de políticas que envolvem a leitura no sistema penitenciário nacional, mapeando dissertações e teses de programas de pós-graduação, que tiveram como tema projetos de leitura no cárcere nos últimos dez anos. Para isso, realizamos uma pesquisa no banco de dissertações e teses do Portal da Capes e na Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações. A partir do levantamento de dados, identificamos que trabalhos que envolvem a educação no sistema prisional ainda são poucos, principalmente, relacionados a práticas de leitura. Essa situação pode ser agravada, sobretudo, pela pseudoefetivação de políticas que regem esses contextos.

Palavras-chave: Leitura. Sistema Prisional. Humanização.

Reading as a practice of reintegration in the National Pententiary System

ABSTRACT

The objective of this study is to carry out a survey of research and policies that involve reading in the national penitentiary system, mapping of dissertations and postgraduate theses, which have had the subject of reading projects in the last ten years. For this, we conducted a research in the thesis bank of the Cover Portal and the Brazilian Digital Library of Theses and Dissertations. From the data collection, we identified that work involving education in the prison system is still scarce, mainly, related to reading practices. This situation can be aggravated, above all, by the false effectiveness of policies that govern these contexts.

Keywords: Reading. Prison System. Humanization;

La lectura como práctica de (re)socialización en el Sistema Penitenciario Nacional

RESUMEN

Este trabajo tiene como objetivo realizar un levantamiento de investigaciones y de políticas que involucran la lectura en el sistema penitenciario nacional, mapeando disertaciones y tesis de programas de postgrado, que tuvieron como tema proyectos de lectura en la cárcel en los últimos diez años. Para esto, realizamos una investigación en el banco de disertaciones y tesis del Portal da Capes y en la Biblioteca Digital Brasileña de Tesis y Disertaciones. A partir del levantamiento de datos, identificamos que trabajos que involucran la educación en el sistema penitenciario aún son pocos, principalmente, relacionados a prácticas de lectura. Esa situación puede agravarse, sobretodo, por la pseudoefectivación de políticas que rigen esos contextos.

Palabras clave: Lectura. Sistema Penitencioario. Humanización.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcio José de Lima Winchuar, Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná – UNICENTRO

Mestre em Letras. Doutorando em Educação. Professor colaborador na Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná – UNICENTRO. Responsável pelo projeto de pesquisa
especial (PQE) “Remição pela Leitura: uma análise da lei paranaense nº 17.329 de 8 de outubro de 2012”, vinculado ao departamento de Pedagogia, da Unicentro-PR. E-mail: mwinchuar@gmail.com

Diego Paiva Bahls

Graduando do Curso de Pedagogia pela Universidade Estadual do Centro-Oeste e de Licenciatura em Artes Visuais pelo Centro Universitário Internacional - UNINTER. E-mail: diegobahls09@gmail.com

Downloads

Publicado

2017-08-01

Como Citar

Winchuar, M. J. de L., & Bahls, D. P. (2017). A leitura como prática de (re)socialização no Sistema Penitenciário Nacional. Revista Educação E Emancipação, p.147–164. https://doi.org/10.18764/2358-4319.v10n2p147-164

Edição

Seção

Artigos