O corpo ausente: a pesquisa educacional em tempos de pandemia (2020-2021)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18764/2358-4319v15n1.2022.13

Palavras-chave:

identidade corpórea, neurociências, pesquisa educacional, ensino remoto, pandemia

Resumo

Esse estudo almeja mensurar a produção educacional interessada em discutir os impactos do modelo remoto de ensino, considerando os artigos publicados ao longo do intervalo 2020 e 2021 em periódicos alocados nos estratos A1 e A2 da tabela Qualis-CAPES. Parte-se da seguinte hipótese, aventada por Nikolas Rose e Francisco Ortega: assistimos nas últimas décadas a uma mudança de paradigmas em relação ao nosso corpo que, de mero invólucro de algo maior – a consciência ou a alma –, transmutou-se em um signo privilegiado de identidade, gerando toda uma cultura voltada ao aprimoramento de nossas potências corpóreas. Em decorrência dessa mudança, diversos discursos que tomam o corpo como objeto, mormente aqueles ligados a neurociências, ganharam fôlego e impactaram o campo dos estudos pedagógicos. Desse modo, propomos investigar a seguinte problemática: qual papel restou ao corpo, bem como aos discursos neuropedagógicos que o tomavam como objeto de ação, dentro da produção pedagógica surgida no período pandêmico? Por meio de um inventário discursivo, alinhada aos pressupostos defendidos por Michel Foucault, a partir dos artigos publicados nesse período e que levam em consideração a atual conjuntura, foi possível averiguar que a preocupação com o corpo desapareceu, cedendo espaço para uma discussão em relação a necessidade de ressignificarmos a tarefa de educar as novas gerações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Christian Fernando Ribeiro Guimarães Vinci, Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG)

Doutor e Mestre em Educação pela Universidade de São Paulo (USP). Professor adjunto da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG). Integrante dos grupos de pesquisa do CNPq: Núcleo de Estudos e Pesquisa em Educação, Cultura e Subjetividade (NEPECS-UEMG) e Grupo de Pesquisa em Filosofia, Ciências Humanas e Outros Sistemas de Pensamento (UNIMONTES).

Lidia Vasconcelos Rodrigues

Graduanda em Pedagogia pela Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG). 

Downloads

Publicado

2022-05-06

Como Citar

Vinci, C. F. R. G., & Rodrigues, L. V. (2022). O corpo ausente: a pesquisa educacional em tempos de pandemia (2020-2021). Revista Educação E Emancipação, 15(1), 337–360. https://doi.org/10.18764/2358-4319v15n1.2022.13

Edição

Seção

Artigos