A ECOPEDAGOGIA NA ESCOLA MUNICIPAL JOÃO ALVES PINHEIRO EM SÃO BENTO/MA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18764/2595-9549v7n12.2024.3

Palavras-chave:

Ecopedagogia, Preservação, Conservação, Alunos

Resumo

O presente artigo traz uma investigação sobre a Ecopedagogia na Escola Municipal João Alves Pinheiro no desenvolvimento de práticas pedagógicas sustentáveis como a preservação e a conservação do meio ambiente. Sendo assim, a metodologia deste estudo baseia-se em uma pesquisa de natureza qualitativa, exploratória e descritiva, dividida em duas partes: na primeira, fizemos a pesquisa bibliográfica, a qual buscou-se fundamentar por meio de livros, artigos, dissertações e monografias que discorressem sobre o assunto e, na segunda, a pesquisa de campo, que ocorreu com a aplicação de questionários. Como referencial teórico dessa pesquisa, dialogamos com autores como Freire (1996), Gadotti (2000) e Gutiérrez (2013). Dessa forma, entende-se que é essencial aprendermos na infância a importância do meio ambiente e a preservação do mesmo, visto que, a escola pode ser um espaço fundamental para tratar de questões relevantes como: a sustentabilidade. Como resultado, obteve-se alunos mais conscientes e envolvidos com a preservação e conservação do meio ambiente na aplicação do projeto realizado, os quais puderam ser identificados ao longo dos dados apresentados no estudo de caso deste trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Ribamar Ferreira Mendes, Universidade Estadual do Maranhão

Graduando no Curso de Tecnologia em Gestão Ambiental da Universidade Estadual do Maranhão, Campus de São Bento.

Daciléia Lima Ferreira, Universidade Estadual do Maranhão

Doutoranda em Ciências Sociais, na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), sob orientação do professor Dr. Gilmar Santana. Mestra em Cultura e Sociedade, Universidade Federal do Maranhão (UFMA), pelo Programa de Pós-graduação em Cultura e Sociedade (PGCult). Especialização em Antropologia Brasileira pela Faculdade Única (MG). Graduação no Curso de Licenciatura em Ciências Humanas/Sociologia pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Campus de São Bernardo. Foi professora substituta de Sociologia no IFMA (Instituto Federal do Maranhão), Campus de São José de Ribamar (2020-2022). Atualmente é professora substituta de Metodologia Científica dos Cursos de Tecnologia em Gestão Ambiental, Direito e Tecnologia em Alimentos da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA)/Campus de São Bento/MA. Tem experiência na área de Sociologia, Antropologia, com estudos em Memória, Identidade e Imaginário. Pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisas em Patrimônio Cultural (GEPPaC) do PGCult (Programa de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade), da Universidade Federal do Maranhão e do Grupo de Estudos e Pesquisas em Meio Ambiente, Desenvolvimento e Cultura (GEPEMADEC), na linha de pesquisa 1: Imaginário Cultura e Meio Ambiente, da UFMA/Campus de São Bernardo.

Referências

AMORIM, C. D; CESTARI, L. A. dos S. Discursos ambientalistas no campo educacional. Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental. Vol. 30, n. 1, p. 4-22, 2013.

BOFF, Leonardo. Do iceberg a arca de Noé. O nascimento de uma ética planetária. Rio de Janeiro: Garamond, 2002. 159 p.

CHINA, Ana Beatriz Aimbiré; BRAUN, Julio Cesar. O currículo escolar e a ecopedagogia: perspectivas de um movimento social para a prática da cidadania planetária. 2016. Disponível em: http://www.unioeste.br/cursos/cascavel/pedagogia/eventos/2016/Simp%C3%B3sio%20Acade mico%202016/Trabalhos%20Completos/Trabalhos/PDF/35%20Ana%20Beatriz%20A.%20C hina.pdf. Acesso em: 10 nov. 2023.

CRESWELL, J. W. Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. Porto Alegre, RS: Artmed, 2017.

DANTAS, C. Terra registra recordes de calor nos polos; entenda o que há de inédito e o que isso revela sobre a crise climática. Publicado em 23 de março de 2022. Disponível em https://g1.globo.com/meio-ambiente/aquecimento-global/noticia/2022/03/20/antartica-registra-temperatura-30c-acima-do-esperado.ghtml. Acesso em: 18 de set. 2023.

FONTANA, F. Técnicas de pesquisa. In: MAZUCATO, T. (org.). Metodologia da pesquisa e do trabalho científico. Penápolis, SP: FUNEPE, 2018. p. 59-78.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. 1967. Disponível em: chrome-extension://efaidnbmnnnibpcajpcglclefindmkaj/http://www.gestaoescolar.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/otp/livros/educacao_pratica_liberdade.pdf. Acesso em: 29 de jan. 2024.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 1996. Disponível em: chrome-extension://efaidnbmnnnibpcajpcglclefindmkaj/https://nepegeo.paginas.ufsc.br/files/2018/11/Pedagogia-da-Autonomia-Paulo-Freire.pdf. Acesso em: 01 de fev. 2024.

GADOTTI, Moacir. A ecopedagogia como pedagogia apropriada ao processo da Carta da Terra. Revista de Educação Pública, v. 12, n. ja/ju 2003, p. 11-24, 2003Tradução. Acesso em: 01 de fev. 2024.

GADOTTI, Moacir. Pedagogia da terra – ideias centrais para um debate. 2000. Disponível em: https://www.paulofreire.org/Moacir_Gadotti/Artigos/Portugues/Pedagogia_da_Terra/Ped_Terra_ideias_centrais_2000.pdf. Acesso em: 20 de dez. 2023GIROUX, H. A. Los profesores como intelectuales. Hacia una pedagogía crítica del aprendizaje. Tradução de Isidro Arias. Barcelona: Paidós Ibérica, 1990.

GONZAGA, Paolla Danielle Ferreira. Ecopedagogia: uma educação para a sustentabilidade. 2017. Disponível em: http://www.atenas.edu.br/uniatenas/assets/files/spic/monography/ECOPEDAGOGIA__uma_educacao_para_a_sustentabilidade.pdf. Acesso em: 03 de nov. 2023.

GUTIÉRREZ, F.. P., C. Ecopedagogia e Cidadania Planetária. 3ª ed. São Paulo: Cortez, 2013.

LAYRARGUES, Philippe Pomier; LIMA, Gustavo Ferreira da Costa. As macrotedências político-pedagógicas da educação ambiental brasileira. 2014. Disponível em: https://www.scielo.br/j/asoc/a/8FP6nynhjdZ4hYdqVFdYRtx/. Acesso em: 20 de mar. 2024.

LEFF, E. Saber ambiental: sustentabilidade, racionalidade, complexidade, poder. 5 ed. Petrópolis: Vozes, 2011.

LOUREIRO, C. F. B. Educação ambiental: questões de vida. São Paulo: Cortez, 2019.

LOVELOCK, J. Gaia: um novo olhar sobre a vida na Terra. Edições 70, 2020.

LOWY, M. O que é ecossocialismo? 2ª ed. São Paulo: Cortez, 2014. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ccrh/a/HkHV5DXbYjDvwYymMPj3pnH/. Acesso em: 28 de jan. 2024.

MACHADO, Paulo Affonso Leme. Direito Ambiental Brasileiro. 25 ed., rev., e ampl. e atual. São Paulo: Malheiros, 2017.

MALHOTRA, Naresh K. Pesquisa de marketing: uma orientação aplicada. 3 .ed. Porto Alegre: Bookman, 2015.

MERRIAM, S. B. Qualitative research and case study applications in education. São Francisco, CA: Jossey-Bass, 2013.

MILARÉ, Edis. Direito do Ambiente. 8ª ed. rev., atual e ampli. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2013.

MULLER, Géssica Camargo; CAVALCANTE, Helena Koboldt. O diálogo entre Paulo Freire e a Ecopedagogia. 2018. Disponível em: https://www2.faccat.br/portal/sites/default/files/muller_cavalcante.pdf. Acesso em: 02 de nov. 2023.

PEREIRA, Franciele Guedes S. Ecopedagogia: um modismo ou uma nova teoria da Educação Ambiental. Curitiba: Champagnat, 2017.

SAMPAIO, S. M. V; WORTMANN, M. L. C. Ecoalfabetização: ensinando a ler a natureza. Revista Pesquisa em Educação Ambiental. Vol. 2, n. 2, p. 133-152, 2017.

SCHRAM, Sandra Cristina; CARVALHO, Marco Antonio Batista. O pensar educação em Paulo Freire: para uma pedagogia de mudanças. 2018. Disponível em: chrome-extension://efaidnbmnnnibpcajpcglclefindmkaj/http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/852-2.pdf. Acesso: 12 de jan. 2024.

SILVA, W. M. F; ALMEIDA, M. C. A; GASPAR, M. M. G. S. Relações entre ecopedagogia e a infância: um estudo sobre memórias, experiências e identidades de um professor de geografia. Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental. Vol. 34, n. 1, p. 108-126, 2017.

SOARES, Simone Cesario. O papel da escola na construção da sustentabilidade ambiental. 2020. Disponível em: https://editorarealize.com.br/editora/anais/conedu/2020/TRABALHO_EV140_MD1_SA_ID6367_03092020153518.pdf. Acesso em: 08 de nov. 2023.

SOUSA, N; et al. A ecopedagogia como prática ecopedagógica inclusiva em escolas de Vitória da Conquista na Bahia. Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental. Vol. 32, n. 1, p. 247-269, 2014.

Downloads

Publicado

2024-06-12

Como Citar

MENDES, José Ribamar Ferreira; FERREIRA, Daciléia Lima.
A ECOPEDAGOGIA NA ESCOLA MUNICIPAL JOÃO ALVES PINHEIRO EM SÃO BENTO/MA
. Infinitum: Revista Multidisciplinar , v. 7, n. 12, p. 40–64, 12 Jun 2024 Disponível em: https://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/infinitum/article/view/23766. Acesso em: 15 jul 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)