Operadores e estratégias de argumentação em textos de alunos do ensino médio da rede pública estadual de Bacabal - MA: uma investigação em textos dissertativo-argumentativos

Autores

Palavras-chave:

Argumentação, Operadores argumentativos, Estratégias argumentativas, Textos dissertativo-argumentativos

Resumo

Este trabalho tem como objetivo identificar e analisar os tipos de operadores argumentativos e estratégias argumentativas presentes em textos dissertativos produzidos por alunos do primeiro ano do ensino médio da rede estadual de ensino do município de Bacabal, no Maranhão. Para isso, apresenta discussões de alguns estudiosos das teorias da argumentação no texto, como Koch (2018), Fiorin (2018), Marcuschi (2012) entre outros. Para a realização deste trabalho, foram selecionados textos de alunos de uma das escolas da rede estadual de ensino da cidade de Bacabal, no continente maranhense. A escolha pelo texto dissertativo-argumentativo foi feita devido ao fato de que esse tipo de texto tem como uma de suas principais características a defesa de um ponto de vista por meio de argumentos. Analisando esses textos, foi possível perceber as diferentes formas de argumentação que esses estudantes escolheram, de forma consciente ou não, para a produção de seus textos, comprovação de suas teses e, consequentemente, buscando o convencimento de seu leitor/interlocutor. Além disso, também foi possível destacar quais os principais tipos de operadores argumentativos encontrados nos textos dos alunos e as estratégias argumentativas utilizadas, tal como o efeito causado nos textos por cada uma delas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rannyelle Natallya Pereira de Sousa, Universidade Federal do Maranhão, Programa de Pós-graduação em Letras - Bacabal (PGLB)

Licenciada em Letras, Mestrando no Programa de Pós-graduação em Letras da Univeridade Federal do Maranhão (Bacabal).

Luís Henrique Serra, Universidade Federal do Maranhão

Docente do Programa de Pós-graduação em Letras, campus Bacabal.

Referências

ADAM, Jean-Michael. Textos: tipos e protótipos. São Paulo: Contexto, 2019.

ANSCOMBRE Jean-Claude, DUCROT Oswald. L'argumentation dans la langue. Langages, n°42, p. 5-27. 1976.

ARAÚJO, Maria Aldenora Cabral de. Operadores argumentativos: indicadores da organização relacional dos textos de opinião escritos em inglês/língua estrangeira. Atomia, v. 3, p. 1-16, 2010.

BAKHTIN, M. M.; V. N. Voloshinov. A Interação Verbal. In: BAKHTIN, M. M./ V. N. Voloshinov. Marxisismo e Filosofia da Linguagem. 10º ed. São Paulo, Hucitec, 2002.

BENVENISTE, Émile. Da subjetividade na linguagem. In: Problemas de Linguística Geral I. 3. ed. São Paulo: Pontes, 1991.

CALDAS, Luiz Eduardo Cardoso. Relações conjuntivas causais em perspectivas psicolinguísticas: processamento linguístico, leitura e ensino. 120fls. Dissertação (Mestrado em Estudos da Linguagem). Programa de Pós-graduação em Estudos da Linguagem, Universidade Pontífice Universidade Católica, 2013, 120fls.

FIORIN, José Luiz. Argumentação. São Paulo, Contexto, 2018.

FOUCAULT, Michel. A Ordem do Discurso. Aula Inaugural no Collège de France, pronunciada em 2 de dezembro de 1970. 19. ed. São Paulo: Edições Loyola, 2009.

KOCH, Ingedore G. V. Argumentação e Linguagem. 6. ed. São Paulo: Cortez, 2000.

KOCH, I. G. V. 4 - Uma visão argumentativa da gramática: os operadores argumentativos. Letras de Hoje, v. 18, n. 2, 11 jun. 2014.

KOCH, Ingedore G. V. Linguística Textual: retrospecto e perspectiva. In: Alfa, São Paulo, 41:67- 78, 1997.

KOCH, Ingedore G. V. / ELIAS, Vanda Maria. Escrever e Argumentar. São Paulo: Contexto, 2018.

MARCUSCHI, Luiz Antônio. Linguística Textual: o que é como se faz? São Paulo: Parábola, 2012.

PLANTIN, Christian. A Argumentação. São Paulo: Parábola Editorial, 2008.

REVISTA MUNDO JOVEM. Produção Textual. V. 01, Nº 01, 2016.

MARANHÃO, Secretaria Estadual de Educação. Diretrizes Curriculares. 3. ed. Secretaria de Estado da Educação de Maranhão, SEDUC, São Luís, 2014.

VAL, Maria da Graça Costa. Redação e Textualidade. 4. ed. São Paulo: Martins Fontes/Selo Martins, 2016.

Downloads

Publicado

2021-01-26

Como Citar

SOUSA, Rannyelle Natallya Pereira de; SERRA, Luís Henrique.
Operadores e estratégias de argumentação em textos de alunos do ensino médio da rede pública estadual de Bacabal - MA: uma investigação em textos dissertativo-argumentativos
. Afluente: Revista de Letras e Linguística, v. 6, n. 17, p. 153–175, 26 Jan 2021 Disponível em: https://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/afluente/article/view/16147. Acesso em: 15 jun 2024.

Edição

Seção

Estudos Linguísticos