A TERRITORIALIDADE DA POLÍTICA PÚBLICA DOS MEDICAMENTOS GENÉRICOS NO BRASIL - 2000/2017

Autores

  • Eduardo Manhães
  • Lia Hasenclever

DOI:

https://doi.org/10.18764/2178-2865.v22n2p987-1008

Resumo

O objetivo deste artigo é caracterizar a dinâmica territorial da indústria farmacêutica decorrente da política pública dos medicamentos genéricos no Brasil no período entre 2000 e 2017. A metodologia baseou-se em pesquisa bibliográfica e localização georrreferenciada da indústria nestes dois momentos do tempo. Os principais resultados mostram que a produção de genéricos cresceu significativamente no período referido, fortalecendo a indústria farmacêutica de capital nacional e promovendo desconcentração relativa aos grandes centros de São Paulo e Rio de Janeiro.
Palavras-chave: Desenvolvimento, indústria farmacêutica, política de genéricos, distribuição territorial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-01-07

Como Citar

Manhães, E., & Hasenclever, L. (2019). A TERRITORIALIDADE DA POLÍTICA PÚBLICA DOS MEDICAMENTOS GENÉRICOS NO BRASIL - 2000/2017. Revista De Políticas Públicas, 22(2), 987–1008. https://doi.org/10.18764/2178-2865.v22n2p987-1008