O FESTIVAL DE INVERNO DE PEDRO II-PI E O PERÍODO PANDÊMICO

percepções e desdobramentos

Autores

  • Christiano Maranhão Universidade Federal do Rio Grande do Norte
  • Maria Alves de Oliveira Rodrigues UFPI

DOI:

https://doi.org/10.18764/2674-6972v5n11.2023.4

Palavras-chave:

turismo, Covid-19, Festival de Inverno, Pedro II

Resumo

O presente estudo buscar analisar as percepções e desdobramentos causados pela pandemia da Covid-19 sobre o Festival de Inverno da cidade de Pedro II-PI. Trata-se de um estudo exploratório-descritivo, de viés qualitativo, que se operacionaliza a partir da análise documental e da aplicação de entrevistas semiestruturadas com gestores e empreendedores do turismo. Como principais resultados observa-se a importância do Festival, como um elemento catalisador do turismo na cidade de Pedro II, entendendo-o como um evento que promove o turismo na cidade, estimulando a cadeia produtiva local. Percebe-se também que, durante a pandemia, o setor turístico sofreu importantes perdas econômicas que refletiram diretamente nas localidades, assim, notou-se a falta do suporte e articulação, do poder público, que acabou gerando distintas percepções e desdobramentos, inclusive a dificuldade de adaptação ao cenário pandêmico e a agilidade com a retomada das atividades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Alves de Oliveira Rodrigues, UFPI

Bacharel em turismo de CEAD/UFPI

Referências

CORBARI, S. D.; GRIMM, I. J. A pandemia de covid-19 e os impactos no setor do turismo em Curitiba (PR): uma análise preliminar. Ateliê do Turismo, v. 4, n. 2, p. 1-26, 2020.

CRUZ, R. C. A. Impactos da pandemia no setor de turismo. Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste - ETENE, v. 5, n.122, p. 1-8, 2020.

GETIRANA, E. Dez anos do festival de inverno de Pedro II e outras histórias. Teresina: EDUFPI, 2013.

GIL, A. C. Métodos e técnicas e pesquisa social. 5. ed. São Paulo: Atlas,1999.

GUERREIRO, A. C.; VILELA, G. Os impactos do coronavírus nos pequenos negócios de turismo no Brasil: uma análise a partir dos dados do Sebrae. Revista Turismo em Análise, v. 32, n. 1, p. 79-99, 2021.

HAGUETTE, T. Metodologias qualitativas na sociologia. Petrópolis: Vozes, 2010.

HENRIQUES, E. B.; PORTUGAL, I. B; ARROBAS, F. Covid-19 e Turismo: danos reputacionais e efeitos da pandemia nos Planos de Férias e Viagens. Territur Policy Brief, p. 16, 2020.

OLIVEIRA, M.F. Metodologia científica: um manual para a realização de pesquisas em administração. Catalão, GO, 2021.

RIBEIRO, H. C. M.; MOREIRA, A. A. A. P. COVID-19: efeitos e implicações ocorridos no turismo da rota das emoções localizada no nordeste do Brasil. Podium Sport Leisure and Tourism Review, v. 10, n. 2, p. 106-138, 2021.

SANTOS, D.P.D. Rede sociotécnica da opala: etnografia da fabricação de joias no festival de inverno de Pedro II. In: REUNIÃO BRASILEIRA DE ANTROPOLOGIA, 30., 2016, João Pessoa. Anais [...]. Joao Pessoa: [s.n.], 2016. p. 1-20.

SOUZA, M. C. C. O Estado e o turismo no Brasil: análise das políticas públicas no contexto da pandemia da COVID-19. Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo, v. 15, n.1, p. 1-13, 2020.

TEIXEIRA, F. D. S.; GOMES, A. A.; PAES, E.K.R. Gestão pública do turismo no município de Pedro II. Revista Expressão Científica, v. 3, edição especial, p. 50-54, 2018.

Downloads

Publicado

2023-05-21

Como Citar

MARANHÃO, Christiano; RODRIGUES, Maria Alves de Oliveira.
O FESTIVAL DE INVERNO DE PEDRO II-PI E O PERÍODO PANDÊMICO: percepções e desdobramentos
. Revista Turismo & Cidades, v. 5, n. 11, 21 Mai 2023 Disponível em: https://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/turismoecidades/article/view/20489. Acesso em: 27 mai 2024.

Edição

Seção

Artigos