TURISMO EM CRISE PANDÊMICA: qualificação profissional pra quê?

Autores

  • Ivan Conceição Martins da Silva Universidade Federal Fluminense

Resumo

TOURISM IN PANDEMIC CRISIS: professional qualification for what?

 

Resumo: O objetivo desta pesquisa é analisar como as instituições promotoras de qualificação profissional em turismo têm posicionado seus programas frente aos novos conteúdos e funções impostos pela pandemia da Covid-19. Trata-se de uma pesquisa de natureza qualitativa baseada, fundamentalmente, em pesquisas bibliográficas e levantamento de dados através de documentos e sites oficiais das instituições. A partir de parâmetros metodológicos, foram selecionadas três instituições – Ministério do Turismo, FAETEC e Senac-Rio – especificamente quanto a suas respectivas atuações no estado do Rio de Janeiro entre março de 2020 e maio de 2021. Como resultados, observa-se que em relação aos conteúdos, algumas instituições estão mais avançadas no processo de agregar novos cursos ou assuntos; e em relação às funções, elas se dividem entre uma orientação mecanicista/padronizadora e outra orientação enraizada no território/atenta ao novo contexto social.

 

Palavras-chave: Qualificação profissional; covid-19; tturismo; políticas públicas; trabalho.

 

Abstract: This research aims to analyze how institutions that promote professional qualification in tourism have positioned their programs in face of the new contents and functions imposed by the Covid-19 pandemic. It is a qualitative research based, fundamentally, on bibliographic research and data collection through documents and official websites of the institutions. Based on methodological parameters, three institutions were selected - Ministry of Tourism, FAETEC and Senac-Rio - specifically regarding their activities in the state of Rio de Janeiro between March 2020 and May 2021. As a result, we observed that: in relation to content, some institutions are more advanced in the process of adding new courses or subjects; and in relation to functions, they are divided between a mechanistic/standardizing orientation and another orientation rooted in the territory/attentive to the new social context.

 

Keywords: Professional qualification; covid-19; tourism; public policies; work.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ivan Conceição Martins da Silva, Universidade Federal Fluminense

Mestre em Turismo (2019) pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e Bacharel em Turismo (2015) pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Membro do Grupo de Pesquisa Turismo, gestão e territórios (UFF), membro do Núcleo de Pesquisas em Politicas Publicas de Turismo, da Universidade de Brasília (UnB), e Assistente Editorial da revista acadêmica Caderno Virtual de Turismo (CVT). Áreas de interesse: turismo; políticas públicas; qualificação profissional; educação em turismo; turismo e trabalho; metodologia científica; e epistemologia do turismo. 

Referências

pandemia: uma análise à luz das mobilidades. Observatório de Inovação do Turismo - Revista Acadêmica, v. 14, 2020. Número especial.

AMORIM, F.; EME, J.; FINKLER, R.; RECH, T.; CONTO, S. de. Turismo e sustentabilidade: reflexões em momentos da pandemia Covid- 19. Rosa dos Ventos Turismo e Hospitalidade, v. 12, n. 3, p. 1-15, 2020. Especial Covid 19. DOI: http://dx.doi.org/10.18226/21789061.v12i3a04.

ANTUNES, R. Coronavírus: o trabalho sob fogo cruzado. São Paulo: Boitempo, 2020.

ARAÚJO, M. A. D.; BORGES, D. F. Globalização e mercado de trabalho educação e empregabilidade. O&S, v. 7, n. 17, 2000.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BRASIL. Decreto n. 61.843, de 5 de dezembro de 1967. Aprova o Regulamento do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC) e dá outras providências. Brasília, DF: Senado Federal, 1967.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília, DF: Senado Federal, 1996.

BRASIL. Ministério do Turismo. Política Nacional de Qualificação no Turismo. Brasília, 2018.

CAMPOS, A. Trabalho, qualificação, poder e precariedade: uma abordagem dinâmica à estruturação dos modelos produtivos, a partir de um estudo de caso da profissão científica. Sociologia - Revista da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Porto, v. 25, p. 11-32, 2013.

CARNEIRO, J.; ALLIS. T. Como se move o turismo durante a pandemia da COVID-19? Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo, v. 15, n. 1, 2021. DOI: http://dx.doi.org/10.7784/rbtur.v15i1.2212.

CARVALHO, I. A profissão de guia-intérprete e o impacto da COVID-19. Journal of Tourism & Development, n. 34, p. 209-222, 2020.

CETAM. Catálogo de Cursos FIC. Manaus: Governo do Amazonas, 2018.

CRUZ, R. O evento da Covid-19 e seus impactos sobre o setor turismo: em busca de uma análise multi e trans-escalar. Observatório de Inovação do Turismo - Revista Acadêmica, v. 14, 2020. Número especial.

FAETEC. Carta de Serviços ao Usuário. Rio de Janeiro: Governo do Rio de Janeiro, 2020.

FERREIRA, H.; FONSECA FILHO, A. Dilemas, expectativas e perspectivas sobre o ensino superior de turismo e hospitalidade em tempos de Covid-19. Observatório de Inovação do Turismo - Revista Acadêmica, v. 14, 2020. Número especial.

FERRETTI, C. J. Considerações sobre a apropriação das noções de qualificação profissional pelos estudos a respeito das relações entre trabalho e educação. Educação & Sociedade, Campinas, v. 25, n. 87, p. 401-422, 2004.

GUIMARÃES, V.; CATRAMBY, T.; MORAES, C.; SOARES, C. A pandemia COVID-19 e a educação superior em Turismo no Estado do Rio de Janeiro (Brasil): notas preliminares de pesquisa. Rosa dos Ventos Turismo e Hospitalidade, v. 12, n. 3, p. 1-18, 2020. Especial Covid-19. DOI: http://dx.doi.org/10.18226/21789061.v12i3a09.

KUMMAR, V. A study on adept soft skill & knowledge accompanying hospitality employee retention behavior during covid-19 lockdown phase. Rev. Anais Bras. de Est. Tur./ ABET, v. 11, n. único, p. 1-9, 2021.

MANFREDI, S. Educação profissional no Brasil: atores e cenários ao longo da história. Paco Editorial, 2016.

MANFREDI, S. Trabalho, qualificação e competência profissional - das dimensões conceituais e políticas. Educação & Sociedade, Campinas, v. 19, n. 64,1999. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73301998000300002&lng=en&nrm=iso . Acesso em: 16 maio 2017.

MARX, K. O Capital: crítica da economia política: livro I: o processo de produção do capital. São Paulo: Boitempo. 2017.

OLIVEIRA, R. Demandas por qualificação profissional - Recife, segunda metade do século XIX. Revista Brasileira de Educação, v. 18, n. 54, p. 629-646, 2013.

OLIVEIRA, R. Precarização do trabalho - a funcionalidade da educação profissional. Revista Diálogo Educacional, v. 15, n. 44, p. 245-266, 2015.

PILLAI, S.; KULSHRESHTHA, S.; KORSTANJE, M. The real implications and effects of covid19 in the tourism industry: what is the future of tourism in a world without tourists? Rev. Anais Bras. de Est. Tur./ ABET, v. 11, n. único, p. 1-3, 2021.

RIO DE JANEIRO. Decreto nº 42327 de 03 de março de 2010. Altera e consolida o Estatuto da Fundação de Apoio à Escola Técnica do Estado do Rio de Janeiro – FAETEC e dá outras providências.

SILVA, I.; FRATUCCI, A. A dimensão espacial das políticas públicas de qualificação profissional em turismo. Turismo em Foco, Belo Horizonte, v. 2, p. 62-72, 2019.

SILVA, I.; SILVA, M.; SANTOS, M. Condições de trabalho em casa durante a pandemia: uma análise do discurso do sujeito coletivo dos trabalhadores do setor de agências de turismo. Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo, v. 15, n. 1, 2021. DOI: http://dx.doi.org/10.7784/rbtur.v15i12200.

SILVA, M.; HASTENREITER, R.; SANTOS, M; SILVA, I. Do ensino presencial ao remoto: experiências dos docentes do bacharelado em Turismo durante a pandemia da Covid-19. Revista de Turismo Contemporâneo, Natal, v. 9, n. 2, p. 172-194, 2021.

SILVEIRA, C.; MEDAGLIA, J.; VINCENTIM, G.; BARBOSA, D. Transformações na sociedade e no mercado de trabalho: a inserção do profissional de turismo no cenário pós-pandemia do Covid-19. Observatório de Inovação do Turismo - Revista Acadêmica, v. X16, p. 106-130, 2020. Número especial.

SOUZA, M. O Estado e o turismo no Brasil: análise das políticas públicas no contexto da pandemia da COVID-19. Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo, São Paulo, v. 15, n. 1, 2021. DOI: http://dx.doi.org/10.7784/rbtur.v15i1.2137

TEBERGA, A. Turismo perde mais de 300 mil empregos em 2020. Labor Blog, 2021. Disponível em: https://www.labormovens.com/post/turismo-perde-mais-de-300-mil-ocupa%C3%A7%C3%B5es-formais-em-2020. Acesso em: 01 de abril de 2021

Downloads

Publicado

2021-09-30

Como Citar

Silva, I. C. M. da. (2021). TURISMO EM CRISE PANDÊMICA: qualificação profissional pra quê?. Revista Turismo & Cidades, 3(7), 165–186. Recuperado de http://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/turismoecidades/article/view/16955