AS RELAÇÕES ENTRE HISTÓRIA E LITERATURA NAS OBRAS BOM-CRIOULO E COM AMOR, SIMON: PONTOS DE CONVERGÊNCIA E DISTANCIAMENTO NA RELAÇÃO NARRATIVA/HISTÓRIA

Autores

  • Natanael Araújo Faustino
  • Wheriston Neris

Palavras-chave:

Homossexualidade, Identidade, História, Literatura

Resumo

Discutir homossexualidade em qualquer área que se tenha interesse torna-se não apenas um trabalho de estudo ligado a análise de fato, é imprescindível uma abordagem sempre mais ampla ligada ao meio histórico e social. Dessa forma, o que se busca neste trabalho é fazer um apanhado sobre história, sociedade e literatura, com enfoque na temática homossexual. Para além disso, o que se pretende também é construir uma análise a respeito de como se deu a construção histórico-social dos romances Bom-Crioulo de Adolfo Caminha, lançado em 1895, e Com Amor, Simon escrito por Becky Albertalli e lançado no Brasil em 2016, buscando neles pontos de convergência ou distanciamento entre a construção das narrativas literárias e o meio em quem foram idealizadas. Busca-se dessa forma ir além de observar as relações no sentido da sexualidade, trazendo as correspondências entre as mudanças sociais e históricas junto às mudanças concebidas na literatura de forma geral, como a posição do narrador e do personagem durante do desenvolvimento das obras, e como o meio, além de influenciar, é descrito na narrativa, convergindo pontos de distanciamento e distanciando pontos de proximidade no que diz respeito à forma que se fala de erotismo e sexualidade entre Bom-Crioulo Com Amor, Simon.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-06-21

Como Citar

Faustino, N. A., & Neris, W. (2021). AS RELAÇÕES ENTRE HISTÓRIA E LITERATURA NAS OBRAS BOM-CRIOULO E COM AMOR, SIMON: PONTOS DE CONVERGÊNCIA E DISTANCIAMENTO NA RELAÇÃO NARRATIVA/HISTÓRIA. Terra De Pretos, 1(2), 31–50. Recuperado de https://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/terradepretos/article/view/17083

Edição

Seção

Artigos