ESTADO DE EXCEÇÃO, ESTADO DE NEGAÇÃO: ENCARCERAMENTO EM MASSA NO BRASIL E A POLITIZAÇÃO DA BARBÁRIE

Autores

  • Victor de Oliveira Pinto Coelho

Palavras-chave:

Encarceramento em Massa, Estado de Exceção, Negacionismo, Racismo Estrutural, Garantismo Penal.

Resumo

O artigo trata do problema do encarceramento em massa no Brasil. Em primeiro lugar, procura demonstrar como o encarceramento em massa pode ser visto como atualização do racismo estrutural. Segundo, o cenário recente de polarização política, em que se configurou um discurso dentro do universo jurídico que defende o rigor penal. Seu alvo principal é o garantismo penal (cujo nome principal é do jurista Luigi Ferrajoli), para isso se valendo da polarização “nós x eles”. Buscamos apontar, então, o cruzamento de estado de exceção (em sua face decisionista) e negacionismo, cujo resultado é a busca da neutralização crítica sobre o problema do encarceramento em massa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-06-21

Como Citar

Coelho, V. de O. P. (2021). ESTADO DE EXCEÇÃO, ESTADO DE NEGAÇÃO: ENCARCERAMENTO EM MASSA NO BRASIL E A POLITIZAÇÃO DA BARBÁRIE. Terra De Pretos, 1(2), 9–30. Recuperado de https://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/terradepretos/article/view/17080

Edição

Seção

Artigos