O DIÁLOGO ENTRE OS SABERES CIENTÍFICOS E POPULAR

da decolonização à práxis territorial

Autores

  • Caio Cezar Cunha
  • Ideni Terezinha Antonello

Palavras-chave:

Decolonial, práxis territorial, ciência modesta, territorialidade, eurocentrismo

Resumo

O pensamento decolonial desafia paradigmas e questiona o legado do colonialismo global. Neste artigo, são exploradas obras que investem no desenvolvimento deste debate, apoiado na interdisciplinaridade em prol de investigações sociais mais sensíveis que valorizem as vozes das pessoas. Portanto, a presente pesquisa de cunho epistemológico propõe abordagens que valorizam a ciência popular e a práxis territorial num percurso metodológico sustentado por teóricos que contribuíram para a construção de territorialidades inclusivas. As considerações que centralizaram esta reflexão apontam para um ponto essencial: o desafio de emergir para uma nova compreensão, superando a influência eurocêntrica enraizada, para atingir uma compreensão mais autêntica e contextualizada da realidade latino-americana

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Caio Cezar Cunha

Estágio Pós-doutoral – Bolsista CAPES. Universidade Estadual de Londrina.

Ideni Terezinha Antonello

Professora do Programa de Pós-Graduação em Geografia. Pesquisadora CNPq - Bolsista PQ 2. Universidade Estadual de Londrina.

Downloads

Publicado

2024-07-11

Como Citar

CUNHA, Caio Cezar; ANTONELLO, Ideni Terezinha.
O DIÁLOGO ENTRE OS SABERES CIENTÍFICOS E POPULAR: da decolonização à práxis territorial
. Revista de Políticas Públicas, v. 28, n. 1, p. 164–180, 11 Jul 2024 Disponível em: https://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/rppublica/article/view/23967. Acesso em: 22 jul 2024.