ATRASOS E PARALISAÇÕES EM OBRAS PÚBLICAS DE MACRODRENAGEM E O NOVO MARCO LEGAL DO SANEAMENTO

Autores

  • Rejane Maria de Vasconcelos Ferreira
  • Jaime Joaquim da Silva Pereira Cabral
  • Emília Rahnemay Kohlman Rabbani

Palavras-chave:

Obras Públicas, paralisações, macrodrenagem, saneamento

Resumo

O objetivo deste estudo é avaliar as causas de atrasos e paralisações em obras de macrodrenagem à luz da literatura técnica e do Novo Marco Legal do Saneamento. O método utilizado foi dividido entre um estudo de caso; uma Revisão Sistemática da Literatura, para apontar as causas universais; análise bibliográfica e documental. Os resultados mostram coerência entre as causas apontadas pela literatura e as encontradas no estudo de caso e que as expectativas geradas pelo Novo Marco, podem não se consolidar. A ideia de que a abertura do setor para investidores privados e as privatizações das empresas estatais de Saneamento, resolveriam os problemas, pode não ser verdadeira; a exemplo do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que injetou bilhões no setor e os resultados não foram satisfatórios.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rejane Maria de Vasconcelos Ferreira

Mestre em Engenharia Civil pela Universidade de Pernambuco.  Instituição Vinculada: Universidade de Pernambuco

Jaime Joaquim da Silva Pereira Cabral

PhD em Métodos Computacionais Aplicados à Engenharia – Wessex Institute of Technology (Inglaterra) - Pós-doutorado pela Universidade do Mississippi (USA). Instituição Vinculada: Universidade Federal de Pernambuco e Universidade de Pernambuco.

Emília Rahnemay Kohlman Rabbani

Doutor em Engenharia Civil pela University of Pittsburgh, Pittsburgh, PA – USA. Pós-doutorado em Engenharia Civil pela Universidade do Minho – Portugal. Instituição Vinculada: Universidade de Pernambuco.

Downloads

Publicado

2024-07-11

Como Citar

FERREIRA, Rejane Maria de Vasconcelos; CABRAL, Jaime Joaquim da Silva Pereira; RABBANI, Emília Rahnemay Kohlman.
ATRASOS E PARALISAÇÕES EM OBRAS PÚBLICAS DE MACRODRENAGEM E O NOVO MARCO LEGAL DO SANEAMENTO
. Revista de Políticas Públicas, v. 28, n. 1, p. 301–317, 11 Jul 2024 Disponível em: https://periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/rppublica/article/view/23975. Acesso em: 22 jul 2024.