De invisível para apagado

a cobertura do Jornal Nacional sobre o apagão no Amapá

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18764/2176-5111v18n31.2023.3

Palavras-chave:

telejornalismo, apagão, Amapá

Resumo

Em 2020, o Amapá vivenciou o maior apagão já registrado no Brasil, quando 13 dos municípios do estado ficaram sem energia. Diante da gravidade dessa tragédia no setor elétrico, este trabalho tem o objetivo de analisar a cobertura do Jornal Nacional, da Rede Globo, sobre esta temática. Para tanto, utiliza-se da metodologia da análise da materialidade audiovisual (COUTINHO, 2016; 2019) e do corpus empírico formado por 28 edições do telejornal, que compreende todo o mês de novembro de 2020, período do apagão. Verificou-se que o JN destinou, em um mês, apenas 58 minutos para falar sobre o apagão no Amapá, acionando fontes oficiais e a comunidade local. O noticioso se valeu de uma cobertura factual e pouco aprofundada sobre a problemática em questão, que foi vivenciada por mais de 600 mil amapaenses.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alan Milhomem da Silva, Universidade Federal do Amapá

Professor do Curso de Jornalismo da Universidade Federal do Amapá. Doutorando em Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina. Mestre em Comunicação e Sociedade pela Universidade Federal do Tocantins. Bacharel em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão, Campus Imperatriz. Contato: alan.milhomem@unifap.br

Flávia Coimbra Santos do Carmo, Universidade Federal do Amapá

Graduanda em Jornalismo na Universidade Federal do Amapá. Contato: flaviacoymbra@gmail.com   

Referências

AGUIAR, Sonia. Territórios do Jornalismo: geografias da mídia local e regional no Brasil. Petrópolis: Vozes, Rio de Janeiro: Editora PUC-Rio, 2016.

BAZE, Abrahim. TV Amapá é inaugurada – mais uma conquista na Amazônia. Portal Amazônia. 10 de jan. de 2022. Disponível em: https://portalamazonia.com/historias-da-amazonia/tv-amapa-e-inaugurada-mais-uma-conquista-na-amazonia Acesso em: 10 mar. 2023.

OPERADOR NACIONAL DO SISTEMA ELÉTRICO – ONS. Análise da perturbação do dia 03/11/2020 às 20h48min com início nos transformadores de 230/69/13,8 kv da se Macapá, com desligamento da UHE Coaracy Nunes e do Sistema Amapá. Brasília: 2020.

BECKER, Beatriz. A linguagem do telejornal: um estudo da cobertura dos 500 anos do descobrimento do Brasil. Editora E-papers, 2005.

CARVALHO, João Wilson Savino; CARVALHO, Solane Soraia Coutinho. Consequências Jurídicas do Apagão Elétrico no Amapá. In: PORTO, Jadson; TOSTES, José Alberto; GOMES, Adréa Figueiredo. De apagão a apagado: ensaios sobre a questão energética amapaense. Maringá, PR: Uniedusul, 2021.

CASTRO, Ana Paula Almeida et al. Representatividade na TV: análise da cobertura dos principais telejornais da televisão pública e privada. In: CONGRESSO DE CIÊNCIAS DA COMUNICAÇÃO NA REGIÃO CENTRO-OESTE, 21, 2019, Goiânia. Anais [...] Goiânia: Intercom, 2019.

CAVALCANTE, Hellen Priscilla Marinho. O acesso à energia elétrica no Brasil sob a ótica do desenvolvimento como liberdade. Revista de Direito Econômico e Socioambiental, Curitiba, v. 4, n. 2, p. 58-86, jul./dez. 2013.

COSTA, Júlia Calado Brito; SILVA, Monalice Nogueira da. Fake news? uma análise discursiva de dois casos de desinformação durante a pandemia da covid-19 e o apagão no Amapá. Macapá, 2022.

COUTINHO, Iluska; MARINO, Caroline. Um oceano de silêncio: Análise das representações sociais de gênero no telejornalismo brasileiro. Contracampo, Niterói, v. 38, n.2, p. 8-22, ago./nov. 2019.

COUTINHO, Iluska. O telejornalismo narrado nas pesquisas e a busca por cientificidade: A análise da materialidade audiovisual como método possível. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DA COMUNICAÇÃO, 36, 2016, São Paulo. Anais [...] São Paulo: Intercom, 2016.

CHAVES, Simone F. Em cena o corpo: Sentidos que circulam com o corpo nas propagandas de televisão. Rio de Janeiro, 1999.

GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2021.

GOMES, Itania Maria Mota. O Jornal Nacional e as estratégias de sobrevivência econômica e política da Globo no contexto da ditadura militar. Revista Famecos: mídia, cultura e tecnologia, v. 17, n. 2, p. 5-14, 2010.

GUARESCHI, Pedrinho Arcides. Representações sociais e ideologia (social representations and ideology). Revista de Ciências Humanas, Florianópolis, n. 2, p. 33-46, 2000.

HACHEM, Daniel Wunder; FARIA, Luzardo; APONTE, William Ivan Gallo. A energia elétrica como condição material para o gozo dos direitos humanos: um direito fundamental implícito. Veredas do Direito, Belo Horizonte, v. 19, n. 43, p. 173-196, jan./abr. 2022.

MAIA, Aline. O Telejornalismo no Brasil na Atualidade: Em Busca do Telespectador. Minas Gerais: Intercom, 2011.

MELLO, Jaciara Novaes. Telejornalismo no Brasil. Biblioteca Online de Ciências da Comunicação, Universidade da Beira Interior, Covilhã, Portugal, 2009.

OLIVEIRA FILHO, José Tarcísio. Telejornalismo local e regional no Brasil: Notas de Uma Reflexão Histórica. 2021

PATERNOSTRO, Vera Íris. O texto na TV: Manual de Telejornalismo, editora Campus. Rio de Janeiro, 2006.

PORTO, Jadson Luís Rebelo. De apagão a apagado: Ensaios sobre a questão energética amapaense. Maringá: Uniedusul, 2021.

PORTO, Jadson Luís Rebelo; SUPERTI, Eliane; BENTES, Jennefer Lavor. A integração do Amapá ao sistema energético nacional: do sistema isolado ao apagão. In: FOLMER, Ivanio; SOUTO, Thales Silveira (orgs.). Desenvolvimento Regional: Política, planejamento e economia. Santa Maria: Arco Editores, 2021. p. 23-25.

PRONZATO, Carlos. Amapá, quem vai pagar a conta?. Canal: Carlos Pronzato, 2021. 1 vídeo (46 min 09 seg). Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=bFKPmmk67Qo&t=206s. Acesso em 3 mar. 2023.

PRODANOV, Cleber Cristiano; DE FREITAS, Ernani Cesar. Metodologia do trabalho científico: métodos e técnicas da pesquisa e do trabalho acadêmico. 2ª ed. Porto Alegre: Editora Feevale, 2013.

REZENDE, Guilherme Jorge de. Telejornalismo no Brasil: um perfil editorial. Summus Editorial, 2000.

SILVA, Edna de Mello. Fases do telejornalismo: uma proposta metodológica. In: EMERIM, Cárlida; COUTINHO, Iluska; FINGER, Cristiane. Epistemologias do telejornalismo brasileiro. Florianópolis: Insular, 2018.

LEAL, Luciana Braga Bacelar; ALVA, Juan Carlos Rossi. Políticas públicas de acesso à energia elétrica, como ferramenta na efetividade dos direitos fundamentais. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v.7, n.8, p.82796-82823 ago. 2021.

SANTOS, Juliana Frandalozo Alves dos; FRANZONI, Ana Maria Bencciveni. Os papéis do Jornalismo em Desastres: uma análise com base na experiência dos jornalistas. Historia Ambiental Latinoamericana y Caribeña (HALAC) revista de la Solcha, v. 10, n. 3, p. 78-107, 2020.

SILVA, Sarah Dantas do Rego; MASSUCHIN, Michele Goulart. A construção do Nordeste no telejornalismo: um estudo do Jornal Hoje. Extraprensa, São Paulo, v. 13, n. 1, p. 185 – 207, jul./dez. de 2019.

TEMER, Ana Carolina Rocha Pessoa. Desconstruindo o telejornal: um método para ver além da melánge informativa. In: VIZEU, A; MELLO, E; PORCELLO, F; COUTINHO, I. Telejornalismo em questão. Florianópolis: Insular, 2014.

Downloads

Publicado

2023-06-30

Como Citar

SILVA, Alan Milhomem da; CARMO, Flávia Coimbra Santos do.
De invisível para apagado: a cobertura do Jornal Nacional sobre o apagão no Amapá
. Cambiassu: Estudos em Comunicação, v. 18, n. 31, 30 Jun 2023Tradução . . Disponível em: . Acesso em: 19 abr 2024.

Edição

Seção

Artigos