Contribuições para descolonização do pensamento na Comunicação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18764/2176-5111v16n27.2021.11

Palavras-chave:

Modernidade/Colonialidade, colonialidade do saber, decolonialidade.

Resumo

Para ampliar as perspectivas analíticas sobre o pensamento comunicacional brasileiro, trazemos neste artigo uma revisão bibliográfica acerca dos princípios da colonialidade, traçando uma trajetória que interliga os estudos atuais aos que o precederam, como os estudos pós-coloniais e culturais britânicos. Propomos com este trabalho uma breve recuperação do debate teórico do Grupo Modernidade/Colonialidade acerca da colonialidade do saber, do poder e do ser, buscando mostrar a importância dessa temática para a descolonização do pensamento no campo da Comunicação. Seguindo uma abordagem interdisciplinar, trazemos as discussões desse grupo apontando para a decolonialidade como horizonte epistemológico. Partindo de uma perspectiva crítica, ao problematizar o “sistema-mundo capitalista moderno/colonial”, procuramos apresentar uma descrição histórica e conceitual do pensamento decolonial, para construir novas formas de pensar a comunicação. Com essas contribuições sobre o empenho teórico-metodológico decolonial, concluímos que as transformações necessárias virão a partir da dissolução das estruturas coloniais, que conformam tanto a teoria quanto a prática da comunicação.

Contributions to decolonization of thought in Communication

Abstract

In order to broaden the analytical perspectives on Brazilian communicational thought, we present in this article a bibliographical review on the principles of coloniality, tracing a trajectory that links current studies to those that preceded it,such as postcolonial and British cultural studies. With this work, we propose a brief recovery of the theoretical debate of the Modernity/Coloniality Group about the coloniality of knowledge, power and being, seeking to show the importance
of this theme for the decolonization of thought in the field of Communication. Following an interdisciplinary approach, we bring the discussions of this group pointing to decoloniality as an epistemological horizon. From a critical perspective, when problematizing the “modern/colonial capitalist world-system”, we seek to present a historical and conceptual description of decolonial thinking, in order to build new ways of thinking about communication. With these contributions on the decolonial theoretical-methodological commitment, we conclude that the necessary transformations will come from the dissolution of colonial structures, which shape both the theory and the practice of communication.

Keywords: Modernity/Coloniality; coloniality of knowledge; decoloniality.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ohana Boy Oliveira, Universidade Federal Fluminense (UFF)

Pós-doutoranda em Cultura e Territorialidades (UFF). Doutora em Comunicação (UFF). Mestre em Cultura e Territorialidades (UFF). Bacharel em Produção Cultural (UFF). Foi Professora Substituta no Departamento de Artes e Estudos Culturais do Centro Universitário de Rio das Ostras da UFF. É participante do Grupo de Estudos sobre Comunicação, Cultura e Sociedade (GRECOS), coordenado pela Dra. Ana Lucia Enne. É Membro do Grupo de Trabalho de Acompanhamento de Egressos do PPCULT UFF. 

Downloads

Publicado

2021-06-25

Como Citar

OLIVEIRA, Ohana Boy.
Contribuições para descolonização do pensamento na Comunicação
. Cambiassu: Estudos em Comunicação, v. 16, n. 27, p. 221–241, 25 Jun 2021Tradução . . Disponível em: . Acesso em: 19 abr 2024.

Edição

Seção

Artigos